sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Poema

Como habitar a escrita
se é maldita
a sua habitação

O poeta não pensa na casa
antes no chão

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Vanguart não foi embora


Uma das bandas mais interessantes da nova música brasileira dá pelo nome de Vanguart. Embora não sejam assim tão novatos, sempre passaram despercebidos em solo luso.O novo disco já se ouve cá por casa, e é triste saber que nunca chegará às nossas lojas (leia-se Fnac, até porque haverá outras?). Vale mesmo a pena conferir este último lançamento, bem como os anteriores. Chama-se Boa Parte de Mim Vai Embora.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Tori Amos tem novo disco!!!


Uma das minhas obsessões recorrentes: a voz de Tori Amos (a voz e todo o seu corpo, diga-se) a perseguir-me em noites de lua cheia. Eu, sabedor de certos segredos carnais, deixo-me apanhar por quem me persegue. E ficamos assim, os dois expostos ao que a noite não costuma revelar.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Why Pink Floyd?

Os Pink Floyd começam hoje, uma vez mais, a invadir o planeta. Why Pink Floyd? é o sugestivo título desta nova vaga de reedições. Todos os discos de estúdio veem hoje a luz do dia, com novíssima apresentação, individualmente ou através da box Discovery. Ainda hoje se poderá comprar The Dark Side of The Moon, como nunca imaginámos vê-lo e ouví-lo. Mais tarde, a 7 de novembro, sairá A Foot In The Door, um best of da banda. No mesmo dia, para os mais aficionados amantes floydianos, sairá também Wish You Were Here em múltiplos formatos, para todos os gostos e carteiras. Para finalizar, a 27 de fevereiro de 2012, sairá The Wall, também ele em formatos diversos.
Nunca fui amante apaixonado da banda inglesa, mas que tudo isto mexe com quem gosta destes luxos, lá isso mexe. Em tempo de crise mundial, é bom lembrar. Haja Money!

domingo, 25 de setembro de 2011

GNR - 30 Anos de Carreira



Já com uns dias de atraso, é certo, mas ainda muito a tempo de colocar aqui uma iniciativa do Diário de Notícias, que me deixa francamente entusiasmado: GNR - 30 Anos de Carreira. Como já se havia feito com os Xutos e com Rui Veloso, chegou agora o tempo da banda de Reininho e companhia. Pela primeira vez em cd, o disco Defeitos Especiais é um dos grandes trunfos desta coleção, que tem ainda, na última entrega, um dvd com clipes e excertos de concertos, tudo à maneira de documentário. Há também espaço para um cd com faixas que nunca apareceram nos álbuns oficiais, o que também é excelente notícia. Tudo isto aos sábados, e por 4.99 euros. Até apetece! A única coisa irritante é a ordem pela qual os cds vão saindo, uma vez que não respeitam a cronologia dos mesmos.

A coleção e as datas das saídas:

17-09-2011 - Rock in Rio Douro

24-09-2011 - Valsa dos Detectives

01-10-2011 - Psicopátria

08-10-2011 - Os Homens não se Querem Bonitos

15-10-2011 - Defeitos Especiais

22-10-2011 - Independança

29-10-2011 - Retropolitana

05-11-2011 - O Lado dos Cisnes

12-11-2011 - Mosquito

19-11-2011 - Popless

26-11-2011 - Sob Escuta

03-12-2011 - Colecção 1981-2011

10-12-2011 - DVD (Documentário 10-12-201130 anos dos GNR)


sábado, 24 de setembro de 2011

Poema

Um dia a história termina
já sem páginas para virar
o dedo impávido
a língua morta
e o cheiro a calções e correria
serão remendos sem lugar

Um dia ao final da tarde
será tardio o findar
os caminhos já sombrios
as forças por encontrar
até ao súbito instante
até não mais respirar

Um dia ao final da tarde
teremos feito a viagem
que durou tempo a passar
o bilhete estará gasto
a tinta a desaparecer
e o papel a esvoaçar

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

The Smiths!

O Natal está quase à porta, ou pelo menos é esse o sinal que algumas editoras estão a dar com reedições e mais reedições. Se, em alguns casos, esse tipo de produto nada me interessa, outros há em que salivo até fazer uma poça no chão. Os The Smiths já mereciam uma edição assim. Nunca uma banda tão importante como esta foi tão mal tratada em edições sucessivas, todas de qualidade duvidosa. Agora parece ter chegado o tempo de respeitar os rapazes de Manchester. Esta The Complete Smiths: Collector's Edition estará presente, com toda a certeza, em muitos lares do mundo inteiro, no próximo dia de Natal. Talvez não no meu, que o tempo não se presta a devaneios de alma de tal envergadura. Mas milagres ainda acontecem, como se sabe, e há que ter esperança. Espreite aqui, para melhor saber do que se trata.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Poema

Quis tocar o céu
e o céu fugiu

Depois percebi
que céu é céu

não é seu

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Time & Space


Absolutamente noturno, vagueante, paisagístico. Fechar os olhos e ouvir Queen Elizabeth é uma ótima solução para as noites que começam a mudar o tom meteorológico. Este projeto de Julian Cope e de Thighpaulsandra já mereceu menção neste blog, mais do que uma vez. A primeira parte dá pelo nome de Superstar (34:00), e a segunda tem o belíssimo título de Avebury: The Arranged Marriage of Heaven and Earth (31.30). Ambas apresentam-se como 2 Spontaneous Concertos For Time & Space. Tenho esta obra há quase 10 anos, e volto a ela várias vezes. Emerge à superfície da minha vida auditiva em momentos de maior necessidade de vazio, de silêncio. Nesses instantes (um pouco mais de uma hora) Queen Elizabeth é um previlégio, uma benção, uma espécie de sopro divino. Brisa cósmica. É exatamente disso que se trata.

* trata-se, possivelmente, do disco menos amado (estou a ser simpático) da vasta obra de Julian Cope, mas eu não alinho nisso...

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Deux Filmes Cultes!

Com a febre crescente do filme de Spielberg e da mais célebre personagem de Hergé, muito comércio se tem feito (e se fará) aproveitando o vento de feição. Agora chegou a vez de dar nova cara (e formato) às antigas, e pouco conseguidas, longas metragens Le Mystère de la Toison d'Or e Les Oranges Bleues. A embalagem que junta os dois filmes é extremamente apelativa, convenhamos. Eu já há muito que possuo os ditos filmes, e já vai sendo tempo de voltar a passar os olhos por eles, não vá terem crescido um pouco, tornando-os um pouco mais interessantes.

domingo, 18 de setembro de 2011

Luz pequena

Haverá sempre uma luz
a brilhar
na escuridão que existir

Luz pequena
luz tranquila
incapaz de se extinguir

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

À espera de Tintin

Mesmo a mais de um mês da estreia, já estou pronto para a "primeira chamada".

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Poema

Envelheci
tornei públicos
os medos que os corpos
anunciam
quando se avolumam os outonos

Envelheci
e coleciono já as sobras
de despojos e abandonos

terça-feira, 13 de setembro de 2011

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Um jogo para tintinófilos


Para quem é, como eu sempre fui, um fervoroso adepto de Tintin, deixo-vos aqui um magnífico jogo. Só tem de encontrar 50 referências ao universo da personagem e dos seus livros, sinalizando-os. Uma autêntica maravilha! Dá algum trabalho, aviso já. Mas desde que se seja conhecedor da obra, não há que desesperar.


A pouco mais de um mês da estreia do tão desejado filme de spielberg e companhia, há centenas de produtos de toda a ordem para nos maravilharmos. Eu ando (quase) histérico com tudo isto, e já se nota, como poderão ver em próximos posts deste I Blog Your Pardon.
É só clicar aqui.

domingo, 11 de setembro de 2011

I gotta wait for Waits!

Nada há a fazer a não ser esperar. Esperar por Bad as Me. Parece que sairá a 25 de outubro.

sábado, 10 de setembro de 2011

Poema

Aquele que souber procurar
encontrará sempre um sinal
uma lembrança de voz
nos ramos da árvore imensa
que cresce com o tempo
e nidifica a cada passo
a cada som e a cada olhar

Aquele que souber procurar
encontrará o que o tempo não poliu
o que ficou do que houve há muito
e que por ser tanto se extinguiu
visto que a existência
(coisa menor e tão intensa)
não recorda o instante que pariu

Aquele que souber procurar
encontrará na inocência das palavras
os versos turvos que escreveu
sem saber ler o que escrevia
pois que a vida dos poemas
não se faz de mãos pequenas
e vive para além de Deus

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Poema

Há uma pele
que vestiste
e que guardas
arrumada
na gaveta do que foste

Uma pele que fenece
remendada
pela erosão do tempo
e que
a qualquer momento
não será mais pele guardada
nem forma
de acolhimento

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Fim de férias

E pronto! Está feito. As férias tiveram fim, e começa tudo outra vez. O I Blog Your Pardon "voltou ao trabalho".

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Começar setembro, lembrando amigos distantes

Para o Mido e para o Ruca.

Milton Nascimento - Unencounter (Original 1979) Canção da América, em Inglês.


Powered by mp3skull.com